quinta-feira, 14 de abril de 2016

Resenha #45 O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares, de Ransom Riggs





O livro que deu origem ao filme de Tim Burton! Com estreia marcada para setembro deste ano, o trailer começou a circular nas redes sociais em 15 de março e, até agora, já teve mais de 2,5 milhões de visualizações. Eleito uma das 100 obras mais importantes da literatura jovem de todos os tempos, O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares, é um romance que mistura ficção e fotografia. A história começa com uma tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo - por mais impossível que possa parecer - ainda podem estar vivas. Traduzido para mais de 40 idiomas. 

“Mesmo sem as fotos, esta seria uma história emocionante, mas as imagens dão um irresistível toque de mistério. A narração em primeira pessoa é autêntica, engraçada e comovente. Estou ansioso para o próximo volume da série!” Rick Riordan, autor da série Percy Jackson e Os Olimpianos 

“Um romance tenso, comovente e maravilhosamente estranho. As fotos e o texto funcionam brilhantemente juntos para criar uma história inesquecível.” John Green, autor de A culpa é das estrelas 

“Vocês têm certeza de que não fui eu quem escreveu esse livro? Parece algo que eu teria feito...” Tim Burton


Tudo nesse livro foi brilhante e original!

Eu estava hesitante para começar a ler, e então ele foi escolhido no grupo do whatsapp. A história era completamente emocionante e eu me perdi no livro. E o que mais amei nesse livro foi as fotos que tem nele, são fotos de pessoas verdadeiras, não foi feita para o livro. O autor já colecionava essas fotos e a partir disso resolveu criar o livro. 



Existem livros que são mágicos, e esse é o caso desse, ele parte da fantasia, aventura e nos leva a um mundo novo.



O narrador do livro é Jacob, ele tem 16 anos, é inteligente, engraçado, realista e perspicaz. Ele é muito próximo de seu avô, e esse lhe costumava conta histórias de sua juventude. Essas histórias tinham uma fantasia incrível, era sobre a casa onde ele cresceu onde havia crianças, essas narrações eram feitas com fotos excêntricas dessas crianças e de uma senhora, fotografias essas que estão no livro. Mas Jacob cresce, e deixa de acreditar nos contos fantásticos de seu avô. 

Após o assassinato chocante de seu avô, a vida de Jacob é virada de cabeça para baixo. No dia do assassinato de seu avô, ele vê algo inacreditável, algo que dar credibilidade às histórias de seu avô, mas seus pais começam a questionar sua estabilidade emocional e ele é levado para alguns tratamentos.

Na tentativa de ajudar a Jacob a se encontrar e a voltar ao normal, seu pai o leva para o lugar onde seu avô viveu, o lugar onde ficava o orfanato, mas chegando na ilha ele não encontra exatamente o que esperava.  

É uma história única, com personagens bem descritos e desenvolvidos.

Eu li essa edição da editora Leya, a continuação saiu pela editora Intrínseca Cidade dos Etéreos, e  estou bem animada para ler ele. Este livro é encantador, assustador é algo de tirar o folego. O orfanato da Srta. Peregrine para crianças peculiares é um livro que recomendo.