sábado, 2 de janeiro de 2016

Resenha #33 O lado feio do amor - Collen Hoover



O maior best-seller de Collen Hoover, autora das séries Slammed e Hopeless, chega ao Brasil.

Sinopse: Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor. O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

Esse foi o primeiro livro da escritora Collen Hoover que li,  e o que posso dizer é que amei e odiei esse livro. Depois de ler, pensar, analisar e discutir sobre ele não consegui chegar a uma opinião do resultado final do livro. Um dos motivos que eu amei foi ter lido esse livro em apenas algumas horas, se fosse um livro ruim eu não iria conseguir ler tão rápido dessa maneira, e ele me fez chorar isso mesmo, algo que poucos livros e autores conseguem fazer comigo. 
Agora os pontos negativos Tate a protagonista da historia, ela é sem sal e sem açúcar, não teve personalidade e apenas se deixou levar, pela emoção. Nunca conseguia falar não para Miles e nunca expunha sua opinião. Mas deixando minhas emoções de lado vou falar do livro. 
O livro intercala as narrações entre Tate e Miles, durante todo o livro, os de Tate são os do presente, e os de Mike do passado, no final do livro somos apresentados a narração de uma terceiro personagem, esse personagem o qual eu odiei,  vi comentários de pessoas que admiraram ela, ou que ela estava correta mas essa não foi a minha opinião. Esse estilo usando mais de um narrador intercalado entre os capítulos está se tornando bem popular nos livros de romance. 
Entre os personagens Miles, me agradou muito sempre sendo sincero, e agindo conforme suas opiniões, mesmo em muitas situações sendo frio e  reservado, sobre seu passado . Outro personagem que gostei muito foi Cap, ele um senhor que trabalha no prédio onde Tate e Miles moram, e acaba se tornando amigo e confidente de Tate.
Como o relação entre Tate e Miles não poderia ser baseada no amor, ele não queria relacionamento. Então tudo em torno deles era sexo, e na minha opinião a escritora usou muito isso sem necessidade no livro, muitas parte o sexo entre eles não agregou valor na historia, apenas sendo uma leitura que você poderia pular as paginas e não faria falta na leitura. 
E  toda essa forma de Miles agir é devido ao seu passado e um segredo que Tate só vai descobrir, quando ele consegue superar isso. E esse segredo me fez chorar muito, me emocionei muito nessa parte do livro. Enfim recomendo esse livro para quem já conhece a escritora e gosta de romance. Se não for seu caso passe bem longe desse livro. 

Curiosidades :
• Colleen Hoover é fenômeno editorial no Brasil e no mundo, com as séries Slammed e Hopeless.
• O livro teve os direitos comprados para o cinema e tem data de estreia prevista para 2016.
• A autora já alcançou a marca de 70 mil exemplares vendidos apenas no Brasil.
• Todos os seus livros chegaram à lista do New York Times.
• O lado feio do amor chegou ao Top 5 do Goodreads Choice Awards de 2014, na categoria romance, e no Top 100 dos melhores da Amazon no mesmo ano.